Idosos eram até amarrados em abrigo de João Pessoa, diz promotora

0

resgate-idosos-22.08-2 (1)“Nem sandálias eles tinham, as unhas todas grandes, e recebemos informações de que haviam até idosos amarrados”. A explicação é da promotora de Justiça da Cidadania e Direitos Fundamentais e do Idoso, Sônia Maria de Paula Maia. Ela comandou uma operação nesta terça-feira (21) que culminou na interdição do Lar do Idoso Nossa Senhora da Conceição.

De acordo com a promotora, a instituição irregular abrigava 11 idosos e todos eles foram transferidos para abrigos regulares ou para a casa dos familiares.

Três dos idosos eram os remanescentes da transferência que a Promotoria de Justiça vinha realizando desde o final de julho. “Esses idosos deveriam ter sido levados do abrigo por suas famílias, mas isso não ocorreu, o que levou a promotora a ingressar com pedido judicial da transferência”, explicou. A liminar para a transferência foi expedido pela juíza plantonista Gianne de Carvalho Teotônio Marinho.

Segundo informações da Gerência de Vigilância Sanitária, a residência onde funcionava o abrigo não possui condições estruturais nem higiênico-sanitárias para abrigar uma instituição para idosos. Além disso, não apresenta registro no Conselho Municipal do Idoso nem alvará da Vigilância Sanitária.

Atuaram na ação, servidores do Ministério Público e do Poder Judiciário, Vigilância Sanitária, Corpo de Bombeiros, Polícias Militar e Civil.

 

 

t5

Share.

Leave A Reply